Life&Style: True Love

Por Sandra Gato
Uma caixa azul – tom Nile Blue, a cor icónica da marca (soube mais tarde) – e, embrulhado num delicado papel de seda, um livro de notas, com a capa no mesmo tom de azul Nilo e folhas macias, em branco, prontas a ser testemunha dos meus Dreams and Thoughts. Esse era o título/mote/inspiração do meu primeiro Smythson e foi amor à primeira vista. Um amor tão intenso que, durante anos, não achei que tivesse sonhos e pensamentos dignos de um depositário tão especial e classy.
Depois desse meu primeiro encontro com a Smythson of Bond Street (nome completo), nascido em Londres, em 1887 (naturalidade e idade respetivamente), a paixão cresceu. À medida que a relação evoluiu descobri dados importantes sobre o seu passado: que andou nas mãos da rainha Vitória, que continua a ser o stationary (papel de carta, envelopes, cartões de visita...) usado pela atual família real britânica, que se define como uma marca de luxury leather goods e que, nos últimos anos, desenvolveu uma linha de acessórios (carteiras, porta-moedas, pastas) que já faz parte da minha wishlist.
Depois da primeira caixa azul, um presente de trabalho antigo, um namoro que começou há mais de 15 anos, vivi o tão esperado momento de entrar na casa-mãe e ser apresentada a toda a família Smythson, na flagship store, em Bond Street (where else?): a sala-museu com peças históricas, a “parede” de sonho com os livros de notas com todas as cores, tamanhos e títulos possíveis – Shine a Light, Hip Hip Hurray, A Little Bird Told Me (como não querer todos?) –, o catálogo com os vários cartões que se podem encomendar para ocasiões especiais – vi o que Kate Middleton enviou a anunciar o nascimento do filho, simples e perfeito – e, cereja em cima do bolo, a forma como artesões com o savoir faire de muitos anos de trabalho personalizam as peças com as iniciais escolhidas. E foi aí que o meu compromisso com Smythson se oficializou: quando me entregaram a minha segunda caixa azul, desta vez com um notebook, com capa em croco preto e aquelas folhas tão finas que são quase transparentes e azuis, imaculadas... Este não tinha título mas tem as minhas iniciais. E a verdade é que estamos juntos até hoje. A paixão continua intensa. Tanto que o próximo passo é a carteira... Mas isso, como se diz em Bond Street, is taking the relashionship to another level...
video

Sem comentários

Enviar um comentário

© D'Adelia World

This site uses cookies from Google to deliver its services - Click here for information.

Professional Blog Designs by pipdig